in

Prepare-se para assistir “Bixa Travesty”, o documentário premiado com Linn da Quebrada

Linn da Quebrada
Foto: Divulgação

Protagonizado por Linn da Quebrada, cantora e ativista trans que faz de sua arte, e da própria vida, um ato político e libertário para a militância LGBT+, “Bixa Travesty”, premiada coprodução do Canal Brasil, estreia na grade do canal no sábado, dia 29, às 23h10.

+ Haja bafão! Vem conferir a edicão extra do NEM TE CONTO #3 – VIAG PODCAST
+ “Bloco da Diversidade” da Parada do Orgulho LGBT de São Paulo acontece no sábado (29)
+ Peça LGBT+: “Caio, quando o amor não vem” estreia em março em São Paulo

O filme traz a performer como ponto central de uma discussão ampla sobre identidade de gênero, homofobia, fluidez sexual e padrões sociais, tudo isso a partir de uma mescla de momentos que vão desde a vida privada e caseira da artista, encenações em banheiros e saunas até os espetáculos extravagantes por ela realizados.

Vários questionamentos

Entre corpos nus e ideias transgressoras, o doc mostra a batalha de Linn – nascida Lino em 1990 – pela desconstrução de estereótipos, sejam eles de gênero, raça ou classe e questiona conceitos de feminilidade, casamento, prazer e a necessidade de cirurgias de redesignação sexual. Projetada nacionalmente em 2016 com o lançamento da música “Enviadescer”, a cantora e atriz também apresenta “TransMissão” ao lado de Jup do Bairro, atração do Canal Brasil, que ganha segunda temporada em junho.

Após ser exibido por festivais pelo mundo, sempre com muito sucesso, “Bixa Travesty” ganhou o Prêmio Teddy, dedicado a obras com temática LGBTQ+, no Festival de Berlim 2018. O documentário também ganhou prêmios na Espanha, França, Canadá e Itália, além de ter sido indicado ao Candango de melhor filme no Festival de Brasília, onde foi aplaudido de pé.

Já programa o alarmezinho no celular para não esquecer!

Serviço
Bixa Travesty (2018)
Sábado (29/02) às 23h10 no Canal Brasil
Reapresentação na quarta (4/02) às 4h

Axel Miami – Banner

Escrito por redacao