in , ,

“Virada no Arouche” terá projeção de imagens sobre a cultura LGBTQIA+

virada no arouche
Fairmont

Nos próximos dias 12 e 13 de dezembro vai acontecer a “Virada no Arouche”, com uma grande programação para celebrar a cultura e a construção da cidadania LGBTQIA+, com 221 imagens em projeção e 15 fotos em totens no Largo do Arouche. A iniciativa é da Prefeitura de São Paulo como parte da Virada Cultural e as imagens fazem parte do portifólio do fotógrafo Pedro Stephan, especializado na temática LGBTQIA+.    

Netflix faz projeção de histórias LGBT durante a Parada SP ao Vivo

5 perfis de arte homoerótica para seguir no instagram

VILA GALÉ RIO – LGBT
VILA GALÉ SP – LGBT

Fotógrafos LGBTQIA+ celebram mês da fotografia com exposição virtual

O evento faz parte da Virada Cultural da Prefeitura de São Paulo, em espaço ao ar livre no Largo do Arouche, com início dia 12 as 18hs e término dia 13 de dezembro, as 18 horas. As projeções acontecem durante toda a noite do dia 12 e madrugada do dia 13, no prédio número 24 do Largo do Arouche.

Em pauta, a intervenção urbana de totens fotográficos com imagens de personalidades marcantes que fizeram história do movimento LGBTQIA+ em São Paulo. Serão dois momentos, que vão acontecer em espaço aberto: além dos totens com os ativistas e personagens da cena queer, as projeções das Paradas do Orgulho Gay e os Carnavais no eixo São Paulo-Rio, feitas do Estúdio Esponja com interferências visuais do Coletivo Projetemos.

O trabalho Paulicéia Revelada de Stephan, mestre em Comunicação pela UFRJ, parte de uma visão antropológica, com os atores sociais, ritos, territórios, militância como testemunho da conquista e evolução da cultura LGBTIA+. Os totens têm 3 lados, cada um medindo 2,50 x1,50 metros e homenageiam os personagens que fizeram a diferença no cenário paulistano.

Em Paradas & Carnavais as fotos serão projetadas no Edifício Pekelman, nº 24, esquina da Av. Vieira de Carvalho com Rua Vitória, como parte do cenário icônico para a comunidade queer de São Paulo.

Para Pedro Stephan, a “Virada no Arouche” é uma forma de celebrar e manter viva a identidade LGBTQIA+, mostrando um pouco da história das manifestações mais populares, as cores, a alegria e principalmente, a cidadania. Todas as imagens, projetadas ou em totens, estarão ao ar livre e distantes umas das outras, com o objetivo de preservar o distanciamento social entre os visitantes e evitar aglomeração. Os totens vão permanecer no local até o dia 13/12.

GUIA LGBT RECIFE

Escrito por alexbernardes