in , ,

Itália lança protocolo de Diversidade e Inclusão para hotéis LGBT friendly

Diversidade e Inclusão
Foto: Sonders Group
Fairmont

A Itália lançou na semana passada o primeiro Protocolo de Diversidade e Inclusão (D&I) é o novo  para hospitalidade LGBT friendly do país. O material foi desenvolvido pelo grupo Sonders and Beachs, uma consultoria especializada no mercado LGBT, em colaboração com a Associação Italiana de Turismo Gay e Lésbico (AITGL).

Redes hoteleiras, instituições, órgãos de hospitalidade locais, operadoras de turismo podem adquirir e implementar o protocolo, passando uma mensagem importante para os turistas LGBTQ + no mundo com um simples rótulo reconhecido que qualifica a oferta como um espaço que respeita a diversidade.

+ Câmara LGBT lança Programa Fornecedores Diversos para dar destaque para fornecedores LGBTI+

VILA GALÉ RIO – LGBT
VILA GALÉ SP – LGBT

+ Associação Internacional de Turismo LGBT (IGLTA) reforça sua equipe com mais brasileiro

+ Fórum de Turismo LGBT do Brasil divulga a data de sua 5º edição. Confira!

O protocolo contém um código de conduta ética de boas práticas de inclusão social e hospitalidade dirigidas à comunidade LGTBQ + a partir de uma dupla análise: a relação entre a empresa ou a autarquia local e o hóspede, e a relação entre a organização do trabalho e pessoal na presença de colaboradores e colaboradores LGBTQ +, o que na perspectiva da Gestão da Diversidade e Inclusão pode representar um valor agregado.

O material traz, já na abertura, uma declaração dedicada à inclusão social como expressão da civilização que desempenha um papel atrativo para todas as atividades econômicas e, em particular, para o turismo internacional.

“Todas as pessoas têm direito a usufruir de uma oferta turística à medida da sua dimensão com plena autonomia e simplesmente sendo elas próprias, sem correr o risco de ser ridicularizadas ou até mesmo discriminadas”.

Na Itália, com base em pesquisas realizadas pela AITGL, o turismo LGBTQ + se posicionou antes da pandemia com um faturamento em torno de 2,7 bilhões de euros. No mundo, o mercado do setor movimenta mais de 100 bilhões de dólares segundo estimativas da IGLTA (International Gay Lesbian Travel Association).

Em entrevista para o portal italiano Quiiky Magazine, Alessio Virgili, presidente da AITGL afirmou: “Uma certificação necessária e importante para o nosso país. Devemos refletir de fato sobre uma realidade irrefutável que não pode mais se basear em fórmulas genéricas de hospitalidade, pois 7% da população mundial pertence a esta comunidade , e essas pessoas representam um público em constante crescimento, com grande capacidade de reação à crise, e estão acostumadas a viajar várias vezes ao ano, portanto, ansiosas por voltar a esses hábitos”.

O protocolo de Diversidade e Inclusão é o primeiro na Itália dedicado à hospitalidade e ao aprimoramento da inclusão social e obteve a prestigiosa validação do organismo de certificação internacional RINA. Uma validação que aumenta seu valor em todo o mundo e qualifica a própria Itália para a hospitalidade em geral.

A este respeito, Davide Torti, líder da equipe do grupo de validação à frente do Torino Management System Certification RINA afirmou: “Os auditores RINA concluíram um exame cuidadoso do protocolo e foram capazes de validá-lo como adequado em relação aos regulamentos precisos, diretrizes e convenções de referência internacionais. Acreditamos que protocolos como este são importantes contribuição para a melhoria e crescimento duradouro das organizações de turismo, em linha com o trabalho realizado pelo RINA para o desenvolvimento sustentável. ”

A adoção do protocolo de Diversidade e Inclusão define profissionalmente as práticas operacionais, de marketing e comunicação voltadas a este segmento, que não só quer ser aceito, mas “convidado”, com uma oferta dedicada, como acontece com todo destino turístico. A adoção do protocolo permite também, juntamente com o desenvolvimento dos aspectos econômicos, o crescimento social dos territórios em que é aplicado.

O Grupo UNA Hotels foi um dos primeiros a aderir ao protocolo. De acordo com Daniele Mereu, Gerente de Operações Hoteleiras do Grupo UMA, implementar os protocolos sugeridos reafirma o compromisso da empresa com a diversidade.

“O Grupo UNA acolheu com agrado a criação do protocolo de Diversidade e Inclusão e confirma a sua vontade de levar a diante o processo que visa a obtenção do rótulo Queervadis Aprovado”, afirmou Mereu.

GUIA LGBT RECIFE

Escrito por alexbernardes