in

Grindr vende 60% de suas ações por US$93 milhões para gigante chinesa dos games

grindr

O maior aplicativo de relacionamentos gays do mundo, Grindr acaba de vender 50% de sua participação a uma empresa chinesa especializada em games.

A parcela vendida custou US$ 93 milhões aos cofres da empresa Beijing Kunlun Tech.

“Por quase sete anos, Grindr tem auto financiado o seu crescimento, e ao fazê-lo, nós construímos a maior rede de homens gays do mundo”, disse Simkhai em um post no seu perfil em suas rede social.

SimKahi ainda enfatizou, “Tomamos esse investimento em nossa empresa para acelerar o nosso crescimento, para permitir expandir nossos serviços para você e para continuar a garantir  o Grindr seja o aplicativo número um para  milhões de usuários”.

Em um comunicado, a empresa chinesa disse que o investimento iria melhorar a sua “posição estratégica”.

No entanto, a empresa não especificou se planeja lançar o app na China,  onde a comunidade LGBT continua a enfrentar discriminação generalizada.

O aplicativo está acessível no país, mas a sua disponibilidade tem sido muito criticada, com usuários reclamando dos problemas de acesso em algumas cidades.

O maior app de namoro gay no mercado chinês atualmente  é o Blued homegrown – que foi lançado em 2013 por Geng Le, um ex-policial.

Geng diz que seu aplicativo possui cerca de 3 milhões de usuários diários e parabenizou o investimento de Beijing Kunlun no Grindr.

“Isso mostra a aceitação do mercado de capitais chinês perante ao segmento LGBT e seu enorme potencial”, disse ele em um comunicado.

Axel Miami – Banner

Escrito por alexbernardes