Pousada em São Francisco Xavier te ensina a prática do “nadismo”

Pousada em São Francisco Xavier te ensina a prática do “nadismo”

Entre as montanhas da Serra da Mantiqueira, a 146 km da capital paulista, São Francisco Xavier te convida a desacelerar e respirar ar puro. Com várias cachoeiras e esportes de aventura, você pode se divertir nas trilhas, fazer rapel ou subir até a famosa Pedra do Porquinho. Para os curiosos, ouvir histórias sobre caçar o folclórico Saci com uma peneira é comum. Mas uma das atividades mais famosas da cidade se resume a muito menos que isso. Donas da pousada local A Rosa e o Rei, Cacá e Claudia abriram o jogo sobre a atividade preferida dos moradores da região: o nadismo. “Aqui é o lugar ideal para a prática, que nada mais é do que ficar olhando o tempo passar sem fazer nada, sem preocupação, aproveitando a natureza, os sons”, disse Claudia, sob o olhar de aprovação de Cacá.

+ Canadá, Portugal e Suécia são os mais amigáveis ​​para viajantes LGBT+
+ Faça um roteiro LGBT em Chicago e se encante por essa cidade linda e vibrante
+ Uruguai é um dos destinos mais LGBT+ friendly na América Latina

Área externa com vista para Serra da Mantiqueira

Empresárias de São Paulo, ambas largaram a agitação e os anos de trabalho incessante para assumir a pousada
há menos de 12 meses, apesar de já morarem na região há quatro anos. O lugar, que antes era voltado para práticas terapêuticas, ainda conserva a calmaria das montanhas e conta com os cuidados e a atenção dos funcionários. Lar de cachorros e gatinhos amigáveis, os hóspedes também podem viajar com seus animaizinhos, já que o local é pet friendly. Ao chegar à pousada, a experiência do nadismo começa com a sensação de realmente estar fora do espaço e do tempo. O amanhecer é preguiçoso e o clima se mantém assim durante todo o dia. O único esforço a fazer é subir as trilhas que dão acesso ao SPA com ofurô, área de massagem, sauna seca, academia, piscina e uma vista impressionante de toda a serra.

Axel Miami – Banner
Nas noites frias é possível se aquecer à beira da fogueira

Mata e montanha

Os quartos estão divididos em duas categorias: chalés da mata e chalés do horizonte. Passando a recepção e o restaurante principal, o hóspede é guiado por um caminho de pedras bem estruturado e sinalizado, que circunda uma simpática área de fogueira até chegar às passarelas no meio da floresta, onde estão os chalés da montanha. As cabanas altas te dão a impressão de estar em uma casa na árvore. Do lado de fora, um ofurô de madeira privativo com vista para a floresta compõe o espaço. Aliás, uma imersão quente com sais de banho, ouvindo o barulho da cachoeira e da mata, pode ser a melhor pedida para o fim de noite. Os chalés do horizonte são parecidos, mas ficam na parte mais alta da pousada. Em vez de ter a floresta como vizinha, o hóspede acorda com uma vista panorâmica para a Serra da Mantiqueira. Nestes quartos, o ofurô fica na parte interna. Independentemente da categoria, todos os apartamentos estão equipados com TV a cabo, ar-condicionado, aquecedor e uma série de cuidados, como secador, roupão, pantufas e amenities L’occitane e Natura. Outro destaque da pousada é o restaurante principal, com móveis rústicos e até um piano. O cardápio foi pensado pelo chef Accacio Cardoso e tem massas, peixes, carnes e uma cartela selecionada de vinhos, que podem ser escolhidos na adega, localizada no andar de baixo. Não deixe de provar o nhoque de mandioquinha com camarões, abobrinha e queijo parmesão gratinado ou o incrível saltimbocca ala romana com risoto de parmesão. O café da manhã também é completo com geleias locais, pães e frios.

A Rosa, uma das cachoeiras que compõem a paisagem

Natureza privativa

O espaço reserva ainda duas trilhas para cachoeiras que fazem parte da propriedade e que batizaram o local. A Rosa, localizada do lado direito da pousada, é acessada por trilha leve e tem uma piscina natural para nadar. Já o Rei, do lado esquerdo, é imponente e tem quedas um pouco maiores, com pressão de água mais intensa. A pousada é indicada somente para adultos com crianças acima de 15 anos, por questões de segurança. “Como os chalés da mata estão do lado de uma das cachoeiras, alguns hóspedes ficam preocupados se vão conseguir dormir com o barulho da água a noite toda. Mas isso, para muitos, não é um problema, né?”, finaliza Cacá.

Serviço
Est. Mun. Ezequiel Alves Graciano, 10.100 – São Francisco Xavier (SP)
(12) 3797-6955 e (12) 99746-9003
pousada@arosaeorei.com.br
contato@arosaeorei.com.br

Deixe um comentário