Comédia Rose, a doméstica do Brasil, narra as peripécias de uma trabalhadora do lar

Comédia Rose, a doméstica do Brasil, narra as peripécias de uma trabalhadora do lar

Depois do sucesso na internet e em duas temporadas paulistanas, o ator e humorista mineiro Lindsay Paulino reestreia a comédia Rose, a doméstica do Brasil no dia 9 de novembro, quinta-feira, às 21h, no Teatro Jaraguá. A peça fica em cartaz até 14 de dezembro, com sessão às quartas e quintas-feiras, às 21h.

Rose é uma mulher simples e batalhadora, que enfrenta os problemas típicos de uma dona de casa no interior de Minas Gerais. Além de trabalhar duro limpando o lar de outras famílias, ela precisa se preocupar com o marido, os filhos e a própria casa. Ela ficou famosa depois de postar um vídeo na internet cantando “Grelo”, uma paródia da música Halo, da consagrada cantora pop norte-americana Beyoncé.

Rose conta para o público aspectos de sua vida antes da fama, como a infância, suas desilusões amorosas, os filhos, um sonho com seu ídolo Amado Batista e sua rotina de trabalho. Tudo isso é contato com muito humor e música ao vivo.

Reveillon Rio 2019

A personagem surgiu quando Paulino fez um vídeo engraçado apenas para seus amigos, sem qualquer pretensão de ficar famoso. À medida que Rose ficava conhecida na internet, o ator criou mais vídeos, até que surgiu a oportunidade de levar esse sucesso ao teatro e à televisão, em séries como Treme Treme, do canal Multishow. Em 2017, o espetáculo comemorou 4 anos em cartaz em Belo Horizonte e já foi visto por mais de 50 mil pessoas.

Para criar a personalidade de Rose e suas histórias hilariantes, Lindsay Paulino se inspirou em episódios da própria infância, além de familiares, vizinhos e outras pessoas que atravessaram e marcaram para sempre a vida do ator. “Rose apresenta uma narrativa simples e descontraída, como se estivéssemos falando com uma velha conhecida que, entre uma espanada e outra, um sonho e outro, divide conosco o seu mundo”, diz Adriana Soares, diretora do espetáculo.

Serviço
Rose, a doméstica do Brasil  – Reestreia dia 9 de novembro, quinta-feira, às 21h, no Teatro Jaraguá.
Duração: 75 minutos. Classificação: 10 anos. Ingressos: R$50 (inteira); R$25(meia-entrada).
Temporada: às quartas e quintas-feiras, às 21h – Até 14 de dezembro. Venda pela internet.

Deixe um comentário