Espetáculo Avental Todo Sujo de Ovo rompe barreiras ao tratar da temática LGBT

Espetáculo Avental Todo Sujo de Ovo rompe barreiras ao tratar da temática LGBT

Uma das mais importantes companhias circenses do Brasil, o Circo-Teatro Guaraciaba, completa 70 anos de história e escolheu o Rio de Janeiro como parte do roteiro desta comemoração. A turnê passa pela capital carioca entre os dias 5 e 7 de maio revisitando três principais montagens da trupe: “A Escrava Isaura” (Bernardo Guimarães), “Avental Todo Sujo de Ovo” (Marcos Barbosa), além do clássico “E o Céu Uniu dois Corações” (Antenor Pimenta). As apresentações são gratuitas.

“Os três espetáculos são melodramas, um estilo característico do circo-teatro.  A escolha das peças é o sucesso de público. ‘A Escrava Isaura’, por exemplo, foi recorde das nossas apresentações e já virou até novela; ‘E o céu uniu dois corações’ é considerado o ‘Romeu e Julieta’ do circo-teatro desde que foi escrita. Antes dessa peça, todo circo-teatro era baseado em contos bíblicos”, conta Alexandre Malhone, diretor e neto do fundador da companhia.

A única peça nova no repertório é a “Avental Todo Sujo de Ovo”, que rompe barreiras ao tratar da temática LGBT. A peça conta a história de Moacir, que sai de casa em busca do sonho de ser artista e, 19 anos depois, retorna como a jovem Indiene. “O assunto é extremamente atual e necessário. Traz a questão da luta e da visibilidade trans, que busca novos espaços fora da marginalidade da rua. Trouxemos essa questão importante, transpondo-a para a arte, permitindo que a discussão aconteça”, pontua o ator Júlio Mello, que interpreta a personagem central deste espetáculo.

Com apoio da Funarte, a turnê começou em Amparo – SP (28 a 30 de abril), passa por Rio de Janeiro – RJ (5 a 7 de maio), Itajubá – MG (12 a 14 de maio) e fecha o ciclo em Sorocaba – SP (18 a 20 de maio).

“O Rio foi escolhido porque a gente queria levar o melodrama do circo-teatro para um polo diferente. No interior do Estado de São Paulo já temos um público fiel, queremos fazer com que nossa essência também atinja novos públicos, saindo de nossa zona de conforto. É preciso sempre arriscar e buscar novos desafios”, comenta Malhone.

 

Serviço

05 de maio – sexta: A ESCRAVA ISAURA

06 de maio – sábado: AVENTAL TODO SUJO DE OVO

07 de maio – domingo: E O CÉU UNIU DOIS CORAÇÕES

Horário: 19h30

Local: Teatro Municipal Ziembinski

Endereço: Rua Heitor Beltrão, s/n˚ – Tijuca, Rio de Janeiro (Em frente à estação de metrô São Francisco Xavier)

Entrada gratuita. A distribuição dos ingressos é realizada uma hora antes do espetáculo.

Lotação: 104 lugares

Deixe um comentário