Brasília passa a ter guia gay turístico on-line

A capital do poder político também tem muito a oferecer aos turistas homossexuais, bissexuais e transgêneros. Para mostrar esse lado arco-íris da capital, nesta semana é lançado do site .

Brasília tem bares, loja, cafés, restaurantes, saunas e point tanto exclusivos para gays, quanto com maioria do público LGBT ou com clientela mista. E não é só no Plano Piloto que há diversão. A lista abarca locais em outras regiões administrativas, tais como Taguatinga, Águas Claras e Cruzeiro. O site também tem agenda diária de eventos LGBT, sejam festas, shows, manifestações e debates sobre cidadania.

O Guia Gay Brasília faz parte da Guiya Editora, que atua em outras seis capitais brasileiras também com roteiros gays turísticos. A rede é composta também por Rio, São Paulo, BH, Florianópolis, Recife e Salvador.

Sócio-proprietário da Guiya Editora, o jornalista Welton Trindade fala da importância do novo serviço na capital federal. “Queremos inserir Brasília no circuito do turismo gay regional, nacional e, a médio prazo, internacional. Será mais cidadania, porque não existe turismo arco-íris sem respeito à diversidade, e também mais força na economia da capital.”

 

Deixe um comentário