Cerca de 30 pessoas foram atendidas em um mês pelo projeto Cidadania LGBT

Cerca de 30 pessoas foram atendidas em um mês pelo projeto Cidadania LGBT

Em seu primeiro mês de operação, o projeto Cidadania LGBT , do Instituto Boa Vista, teve ótimos resultados. Foram diversas as demandas atendidas: trâmites judiciais para o uso do nome social; intermediação para resolução de conflitos familiares devido a orientação sexual; suporte psicológico relacionados a sexualidade, entre outros. Os processos estão sendo acompanhados dia a dia pela equipe multiprofissional do IBV para solução.

Além do atendimento na sede, os profissionais do Instituto Boa Vista realizaram na Escola Municipal Nadir Colaço na comunidade do Burity – bairro de Nova Descoberta, encontros com a população LGBT local. O primeiro evento aconteceu no dia 16 de março e o segundo no dia 05 de abril. Na ocasião foram divulgados os serviços oferecidos pelo IBV e discutidas as demandas dessa população. As atividades contaram com a participação em torno de 40 pessoas. “Número comemorado por nós que estamos atuando há pouco mais de um mês. Esses encontros serão mensais e vão percorrer outros bairros das zonas Norte e Sul do Recife”, informa o coordenador do IBV, o sociólogo Acioli Neto. Essa atividade conta com o apoio de agentes sociais do Instituto nas comunidades.

 

Também no seu primeiro mês de atuação, o IBV promoveu a sua I Roda de Diálogo para comemoração do Dia Internacional da Visibilidade Trans. O debate de três horas de duração teve como tema “O que querem os homens trans?”. O eixo central do debate foi a necessidade de incluir as demandas dos homens trans nas políticas públicas em Pernambuco. O evento teve uma plateia de 42 pessoas composta por vários homens trans além dos ativistas transexuais Vick Leão (canal Clube do Bolinha); Dante Olivier e Lorenzo, ambos estudantes da Universidade Federal de Pernambuco.

 

O Instituto Boa Vista funciona na Rua das Ninfas, 84-A, ao lado da boate Metrópole, de segunda-feira a sexta-feira das 14h às 20h. As visitas podem ser agendadas através do número: (81) 3072-9799. O IBV tem à disposição da população LGBT atendimento especializado por uma equipe composta por advogados, psicólogos, assistentes sociais e agentes de direitos humanos. O público terá acesso a serviços como apoio psicológico e social, além de orientação e encaminhamento jurídico para os casos de homofobia e mudança de nome social – este direcionado exclusivamente para as pessoas transexuais.

 

Deixe um comentário