Rose sobe aos palcos para contar sua história antes da fama

Rose sobe aos palcos para contar sua história antes da fama

A história de Rose – a doméstica do Brasil – que ficou famosa por se tornar a doméstica dos gays depois que postou seu vídeo na internet cantando “Grelo”, paródia de “Halo”, da consagrada cantora pop Beyoncé, poderá ser assistida pelo público no Teatro Itália mais uma vez, nos meses de março e abril.

A versão em teatro relembra toda a história de Rose, antes de ficar famosa, sua vida dura na infância, seus filhos e suas desilusões amorosas. Tudo isso orquestrado com muita música cantada ao vivo, sotaque norte mineiro – que é a marca registrada da personagem – além de um divertido sonho com seu ídolo Amado Batista.

Segundo o ator Lindsay Paulino, que criou e vive a personagem, Rose já existe faz muito tempo. ” Não se chamava Rose. O personagem era uma dona de casa do interior com seus conflitos típicos de mãe: problema com os filhos, com o marido, com a casa, etc. Ela se chamava Supriana, bem roceira mesmo, caipira. Quando me mudei pra Belo Horizonte tive a ideia de deixá-la mais urbana. Então dei um corte na peruca que era longa, mudei o nome pra Rose e pensei: porque ela não se especializa em faxina gay?” disse.

Segundo o ator, na época ele ainda morava com um amigo e as gravações foram feitas no apartamento mesmo, sem pretensão alguma de fazer sucesso. “Fizemos pros amigos mesmo. Só que o personagem foi crescendo e depois de um tempo eu criei a paródia “Grelo” que foi responsável pelo sucesso”, ressalta.  A direção é de Adriana Soares.

Serviço:

Estreia: 02 de Setembro de 2016

SEXTAS, SÁBADOS E DOMINGOS DE SETEMBRO, exceto dia 16.

Datas: 02, 03, 04, 09, 10, 11, 17, 18, 23, 24 e 25 de setembro, totalizando 11 apresentações.

Sextas às 21:30h, sábados às 21:00h e domingos às 18:00h.

TEATRO ITÁLIA

Saka Drogaria SP 

Avenida Ipiranga, 344

Edifício Itália 

Vendas através do site: www.compreingressos.com

Telefone: (11)2122.2474

 

Deixe um comentário