Espetáculo “Requiem” fala sobre violência contra homossexuais

Homossexuais
Foto: Carla Caroline

Estreia neste sábado (06) , em São Bernardo do Campo (SP) a peça “Requiem”. O espetáculo traz uma reflexão sobre os números de casos de violência contra o público homossexual.  “‘Requiem retrata uma agressão física que ‘desacontece’ até o instante em que uma vítima – agora ‘desmorta’ -, frente a frente com seu agressor, tenta modificar seu futuro”, explica o dramaturgo, Marcelo Oriani.

Marcado por uma narrativa emocionante, o espetáculo tem em seu elenco os atores Arthur Martinez e Marcelo Oriani, além de cenário e figurino assinados por Cristina Chicon; iluminação de Denis Kageyama e sonoplastia de Edézio Aragão. A direção é de Amanda Stahl, texto de Marcelo Oriani e encenado pelo grupo do CLAC (Centro Livre de Artes Cênicas).

Somente em 2015, 318  mortes de gays, travestis, lésbicas e bissexuais foram registradas. Ou seja, a cada 27 horas um homossexual é assassinado no Brasil, segundo dados do último relatório do GGB (Grupo Gay da Bahia).  A maioria dos crimes aconteceu em São Paulo, Estado líder em crimes violentos contra o público LGBT.

Axel Miami – Banner

Debate

Com entrada gratuita, fora assistir a “Requiem”, a plateia vai participar de um bate-papo esclarecedor com a transexual e presidente da CAIS (Associação Centro de Apoio e Inclusão Social para Travestis e Transexuais), Renata Peron. “Escolhemos a Renata Peron devido à sua luta e sua história. Em 2007, antes de assumir sua transexualidade, ela foi agredida por nove rapazes, fato que provocou a perda de um de seus rins”, destaca Oriani.

Destina, priori, a pessoas maiores de 14 anos, a mesa de discussão tem como objetivo debater a importância da criminalização da homofobia e da transfobia.

Após as apresentações em São Bernardo do Campo (SP), “Requiem” passará pelos palcos das cidades de Americana, Piracicaba, Rio Claro e Santo André. O espetáculo conta com o apoio do ProAC (Programa de Ação Cultural) da Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo, cujo objetivo é fomentar e difundir a produção artística paulista, por meio do suporte financeiro a projetos artísticos, selecionados por meio de Editais.

 

Serviço

Espetáculo “Requiem”

Quando? 06 e 07 de agosto

Onde? CLAC (Centro Livre de Artes Cênicas), à Praça Cônego Lázaro Equini, 240 – Baeta Neves – São Bernardo do Campo (SP)

Preço? Entrada Gratuita (ingressos podem ser retirados com uma hora de antecedência)