CEO da Apple, Tim Cook: “Sou orgulhoso de ser gay”

Tim Cook

Um dos homens mais poderosos do mundo dos negócios, Tim Cook, CEO da Apple, acaba de assumir publicamente sua homossexualidade.

“Embora eu nunca tivesse negado a minha sexualidade, eu ainda não tinha  assumido publicamente até agora.” Cook escreve em uma entrevista para o site Bloomberg Business Week. Disse ainda: “Então deixe-me ser claro: eu tenho orgulho de ser gay, e eu considero ser gay entre os maiores dons que Deus me deu.”

Axel Miami – Banner

Ele prossegue, afirmando:

“Ser gay me deu uma compreensão mais profunda do que significa estar em minoria e, e me oferece uma janela para os desafios que as pessoas de outros grupos minoritários lidam todos os dias. Isso me fez mais compreensivo, o que me levou a uma vida mais rica. Tem sido difícil e desconfortável às vezes, mas isso me deu a confiança necessária para ser eu mesmo, para seguir o meu próprio caminho, e para superar as adversidades e intolerância. Isso também me deu a pele de um rinoceronte, que vem a calhar quando você é o CEO da Apple. “

Cook foi classificado como o número 2 este ano na lista anual das pessoas mais poderosas do mundo pela revista OUT. Ele também foi o número 1 da mesma lista no ano passado, porém foi difícil mantê-lo no topo pelo fato dele nunca ter se assumido publicamente.